Greves em Santos

Paralisações provocam lentidão no cais

As greves de servidores da Receita Federal já ampliaram de dois para até 15 dias o tempo necessário para a liberação de cargas no Porto de Santos. No final de março, a mobilização dos analistas tributários causou mais atrasos em operações e prejuízos a usuários do cais santista.

A categoria restringiu o atendimento em todo o País por conta da demora para o cumprimento de um acordo salarial firmado com o Governo Federal. Também estão em greve, desde 1º de novembro do ano passado, os auditores fiscais.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *